sexta-feira, 30 de março de 2012

Caminho Mais Que Excelente

Existe um caminho que é mais que excelente. Existe um povo que anda por ele.

O caminho é estreito, difícil, poucos escolhem trilhá-lo. Mas, o fim dele é vida, luz, paz e alegria.

Nesse caminho há montanhas, vales, desertos... Mas o destino final é uma terra que mana leite e mel.

Não é o caminho aparentemente mais “seguro” e muito menos confortável.

Quando você menos espera uma nova aventura está para acontecer. Talvez você tenha que passar pelas águas, pelos rios ou pelo fogo. Mas não estarás sozinho nesses momentos. O rio não te afogará e o fogo não te queimará.

Existem tesouros escondidos nos lugares mais improváveis e estranhos dessa caminhada. Flores nascem nos desertos, águas saem das pedras e o alimento vem dos céus...

A ordem das coisas é diferente também. As coisas tem que morrer primeiro para depois viver. Dar para depois receber. Ser antes de fazer.

Nada é de fato o que aparenta ser. Os pequenos podem ser grandes, os ricos pobres, os pobres ricos, as perdas ganhos, as vitórias maldições, os desprezados escolhidos, os honrados desprezados...

Só conseguem compreender aqueles que tem coração puro e que tem olhos que enxergam o improvável, a essência das coisas. E ouvidos que estão abertos para ouvir e aprender.

É o caminho dos que estão de passagem, são peregrinos nessa terra. Pertencem a um reino que ainda está para ser reestabelecido. Anseiam por esse dia.

É o caminho dos que carregam a paz. Seus pés são calçados com boas novas. São cingidos da verdade, vestem a justiça, tem a fé como seu escudo e a sua maior arma é a palavra de vida.

São pobres de espírito, mansos. Têm fome de justiça, são misericordiosos, limpos de coração, pacificadores e, com alegria, são perseguidos por causa da justiça.

São considerados como loucos pelos sábios desse mundo, mas não se importam, pois sabem que não serão honrados aqui. Se fazem pequenos para serem grandes um dia. São humildes de coração. São justos e não precisam se justificar.

Andam contra a cultura desse mundo, pois não são desse mundo. Tidos como tolos muitas vezes. Mas, são chamados de bem-aventurados e felizes por Aquele a quem pertencem.


São como árvore plantada junto a ribeiros de águas. E o seus frutos são doces: amor, alegria, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fidelidade, mansidão e domínio próprio.

Têm uma missão ao longo do caminho: pregar boas novas aos quebrantados e curar os quebrantados de coração. Proclamar liberdade aos cativos, libertando os que estão algemados. Consolando os que choram. E pondo vestes de louvor em todo espírito angustiado, lhes dando óleo de alegria ao invés de tristeza. Uma coroa ao invés de luto. São verdadeiras cartas vivas de amor.

Embora tenham que trilhar esse caminho sozinhos durante um tempo, não são abandonados. E ajudam a preparar o caminho para que outros passem por ele também. 

Caminham com gratidão, pois receberam mais do que mereciam. Possuem um espírito vibrante.

Carregam a sua cruz no tempo presente. Mas serão consolados um dia. Verão a recompensa de seu penoso trabalho. E terão cada uma de suas lágrimas enxugadas. Seus pecados serão esquecidos para sempre. Serão justificados pela graça e lavados pela misericórdia.

É o caminho dos que correm para alcançar o alvo. Não param, não olham para trás. Se caiem, logo levantam e continuam adiante em sua missão. 

É o caminho dos que sabem o que é perseverar nas adversidades. São inabaláveis nas tribulações. Têm a sua casa firmada sobre a rocha, que mesmo as maiores tempestades não podem destruir.

Andam por fé e não por vista. São nascidos do Espírito e guiados por Ele.

Quando tem que andar por lugares obscuros, a palavra é a sua luz. Conseguem caminhar até que seja dia de novo.

Têm em seus lábios um cântico novo, pois andam pelo novo e vivo caminho.

Escolheram o caminho que leva a eternidade, pois escolheram a sabedoria acima dos bens, riquezas e prazeres momentâneos. A recompensa é que a morte não é o seu fim. Nem que tenham que andar pelo vale da sombra da morte, ainda assim estarão seguros. São conduzidos a pastos verdejantes e águas de descanso.

O caminho, embora mais que excelente, é de fato estreito... Repleto de escolhas, testes, vales de decisões... Porém, a recompensa é indescritível em palavras. Nem olhos ainda viram, nem ouvidos ouviram o que está preparado para os que o escolherem. Serão como aqueles que sonham acordados, pra sempre e eternamente.

O caminho é uma pessoa. E escolhê-lo a maior decisão.

“Disse-lhes Jesus: Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vem ao Pai, senão por mim.”
João 14:6

"Entrem pela porta estreita, pois larga é a porta e amplo o caminho que leva à perdição, e são muitos os que entram por ela.
Como é estreita a porta, e apertado o caminho que leva à vida! São poucos os que a encontram".
Mateus 7:13-14
M.S.

terça-feira, 27 de março de 2012

O Primeiro Mandamento


Amarás, pois, o SENHOR teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e com todas as tuas forças. 
Deuteronômio 6:5
Amarás ao Senhor teu Deus...

O que significa amar a Deus como o primeiro mandamento nos ensina?!
Certamente o primeiro mandamento é um convite, não apenas para crermos Nele, mas para nos relacionarmos com Ele em um nível mais profundo. 
Só podemos entrar no profundo se trilharmos o caminho do amor. Pois, só o amor abre as portas para o coração de Deus.
Mas, o primeiro mandamento sendo um convite, mostra que não é uma imposição.
Ninguém ama por imposição, nem que tentasse, nem que quisesse...
Amar a Deus é uma resposta espontânea ao amor Dele por nós - "Nós o amamos porque Ele nos amou primeiro" I Jo 4:19
Mas, só podemos amar quem conhecemos, senão o amor não passaria de uma ilusão.
E não há como conhecer a Deus, sem se apaixonar completamente por Ele!
O amaremos, se o conhecermos!
Fomos criados para esse amor maior, que só é possível quando todo o nosso ser mergulha no conhecimento de quem Ele é.

Isso significa amá-lo...

De todo o teu coração. Coração tem a ver com as fontes da vida. Aquilo que jorra de dentro do nosso ser. Tem a ver também com aquilo que governa "a nossa casa", o nosso ser interior. 

De toda a tua alma = amar a Deus com toda a tua alma tem a ver com amá-lo com todo o entendimento, com toda a tua razão, mas também com os teus melhores sentimentos e emoções.

Com todas as tuas forças = tem a ver com esforço, dando o teu melhor Aquele que merece todas as melhores coisas. Não porque podemos fazer algum tipo de troca com Ele, mas porque Ele de fato merece o melhor de nós em todas as nossas ações.

O amor a Deus só é real se for genuíno, voluntário, espontâneo.
É mais do que um compromisso de belas palavras lançadas em momentos de intensa emoção...
É uma rendição completa. Corpo, alma e espírito.
É mais do crer Nele. É viver para Ele, por Ele, através Dele.
É uma aliança eterna. Insubstituível.
É o reflexo de uma devoção apaixonada, sacrificial.
É um comprometimento de confiança total.
É uma abertura para se perder em quem Ele é e se tornar mais parecido com Ele, após a fusão completa.
É ter os mandamentos Dele tatuados, escritos no coração.

Amar a Deus é a primeira e mais importante atribuição do coração humano! A mais bela de todas as missões. E a única que satisfaz por completo e dura para sempre.

Ame-o com sua vida. Com um coração rendido. Com um pensamento renovado por Sua palavra. Com atitudes de fé, pois quem ama faz por gratidão, faz de forma voluntária. Ame-o acima de você mesmo. Ame ao próximo porque você o ama primeiro, acima de todas as coisas.

Chegou o tempo de voltarmos, como igreja de Cristo, ao primeiro mandamento. Só conseguiremos fazer todo o resto, cumprir o "ide", se amarmos a Deus em espírito e em verdade. Só o amor nos habilita a permanecer até o fim, mesmo diante de lutas, perseguições, provações...

A maior marca do Reino dos céus é que os que pertencem a ele são completamente apaixonados pelo Rei. Os verdadeiros são totalmente rendidos, apaixonados pelo Rei dos Reis. Os filhos de Deus serão conhecidos pelo amor.

"Ainda que eu fale as línguas dos homens e dos anjos, se não tiver amor, serei como o bronze que soa ou como o címbalo que retine. Ainda que eu tenha o dom de profetizar e conheça todos os mistérios e toda a ciência; ainda que tenha tamanha fé, a ponto de transportar montes, se não tiver amor nada serei. E ainda que distribua todos os meus bens entre os pobres e ainda que entregue meu corpo para ser queimado, se não tiver amor, nada disso me aproveitará". 
I Coríntios 13:1-3
M.S. 

domingo, 25 de março de 2012

Who's That Man?!

I've heard about him many times in my life but the first time I saw him I couldn't believe how amazing he was.
The most wonderful person in this world was right in front of me and I remember feeling not worthy of that moment and even then he was just looking at me with love.
That day was definitely the best day of my entire life!
I'd heard he was a king. A different kind of king.
He was different because he didn't look like a king and he didn't have a crown or a throne when I saw him.
He was humble and used to be with the rejected people of his time.
But multitudes followed him wherever he went.
He was loved by some. Hated by others. 
But no one could say he wasn't an unique person.
Actually he was so special that the history of humanity was divided in two as a result of the power of his name.
He was quite revolutionary. But he wasn't a warrior.
His power was in his words, his attitudes and his message of love.
He could make the blind see, the deaf hear...
He could transform peoples lives simply by touching them.
He could set the captives free...
He could walk on water and calm down a rough sea...
And he was the strenght for the weak.

You must be thinking now who's that man? Is he still alive?
What should I do to know him?
The answer is very easy. If I could find a word that best describes him I would say love. He's definitely Love.
His name is JESUS CHRIST. Saviour and King of Kings. 
He's still alive and His kingdom endures forever.
He died on the cross to give us eternal life. 
He paid the price that we couldn't pay for our sins.

You must have heard about Him a many times in your life, but guess what... 
It's very easy to get to know Him. You just need to have an open heart and come as you are.

He's looking at you right now and He's saying: "For I know the plans I have for you... Plans to prosper you and not to harm you. Plans to give you a hope and a future. Then you will call on me and come and pray to me, and I will listen to you. You will seek me and find me if you seek me with all of your heart. I'll be found by you, declares the Lord." Jeremiah 29:11-14

Getting to know Him is a decision and it's up to you to make this kind of decision. But I assure you that getting to know Him is the best thing that a human could ever experience in life. 

So what are you waiting for?

M.S.

quinta-feira, 22 de março de 2012

A Primavera Chegou!

É muito louco poder acompanhar a transição de uma estação para a outra em um país onde as estações do ano são bem definidas. Eu cheguei nos Estados Unidos em pleno começo de inverno. E especialmente aqui, em Kansas City,  era muito interessante andar pelas ruas e ver que todas as árvores estavam completamente secas, sem folhas, nem frutos... As cores da cidade eram mais escuras também. Ou então completamente brancas, cobertas pela neve...

Essa semana a primavera chegou! E uma das coisas mais fascinantes de estar aqui nesse tempo de transição é ver a mudança que ocorre nessas mesmas ruas, nessas mesmas árvores. De repente, parece que tudo está tão diferente. O verde começou a aparecer de um dia pro outro. As árvores que até então estavam tão secas, agora estão repletas de flores, das mais diferentes cores.

Como Deus nos ensina através de Sua própria criação! De repente comecei a pensar sobre os ciclos da minha própria vida. Como diz o livro de Eclesiastes, cap 3:1-2: "Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu. Há tempo de nascer, e tempo de morrer; tempo de plantar, e tempo de arrancar o que se plantou..."

Eu cheguei aqui nos EUA após um dos piores anos da minha vida, desde que me converti de verdade, a 7 anos atrás. Eu me sentia como uma daquelas árvores em pleno inverno. Seca, sem folhas, nem frutos. Parecia não haver esperança pra mim. Visualizar uma melhora daquela situação em que minha alma se encontrava parecia algo impossível... Mas, graças a Deus, até as nossas lutas tem um tempo determinado para começar e acabar!

Pude ver Deus me encaminhando para uma nova estação ao chegar aqui no IHOP. Ele preparou um tempo de descanso para mim antes mesmo de eu saber que precisava. A um ano atrás eu nunca poderia imaginar que estaria aqui agora... Hoje sinto minha alma mergulhada na paz de Deus, sinto o refrigério que vem Dele invadindo todo o meu ser.

O inverno só aumentou a minha sede por mais Dele. O inverno só me fez valorizar aquilo que realmente importa, estar na presença de Deus. Todo o resto é passageiro.

Uma hora você tá farto...
Outro momento você passa por grande necessidade...
Os momentos de luta passam...
Os momentos de glória e vitórias também passam...
A única coisa que permanece é o relacionamento que você cultiva com Deus.

Escolha permanecer firme Nele em toda e qualquer estação de sua vida. Não se glorie das suas vitórias e nem se desespere nos momentos de luta. São os ciclos da vida. Tudo vai passar. Mas se você permanecer em Deus, você dará frutos na estação própria.


"Bem aventurado o homem que... tem o seu prazer na lei do Senhor, e na sua lei medita de dia e de noite. Pois será como a árvore plantada junto a ribeiros de águas, a qual dá o seu fruto no seu tempo; as suas folhas não cairão, e tudo quanto fizer prosperará". 
Salmos 1:1-3

domingo, 18 de março de 2012

A Palavra Que é Capaz de Aquietar a Alma

Existem momentos que palavras amigas não bastam...
Conselhos, por melhores que sejam, não podem resolver nossos problemas.
Teorias humanas também não conseguem explicar.
Só a voz de Deus é capaz de aquietar nossas almas e nos fazer compreender, o que ainda não podemos enxergar ou entender.
Quando Deus fala, a paz que excede todo entendimento vem. 
Mesmo quando a lógica já não faz mais sentido.
Mesmo quando ainda não temos todas as respostas.
Mesmo quando tomamos a real consciência de que algumas respostas nunca teremos...

Lembro-me de um momento em minha vida em que estava passando por uma luta muito grande. E toda a vez que me achegava a Deus em minhas orações parecia que Ele simplesmente não falava comigo. No meio daquela luta eu falava para Deus que eu sabia que Ele me amava, mas que não estava conseguindo sentir o Seu amor por mim, diante daquele silêncio. Resolvi, então, começar um jejum pela minha vida espiritual, porque eu precisava desesperadamente ouvir a voz de Deus. 

Já no primeiro dia de jejum, ao ir dormir, pedi para que Deus me visitasse durante a noite. E naquela mesma noite uma das minhas maiores experiências com Deus aconteceu. Primeiro, eu tive um sonho com anjos e com o Espírito Santo sendo derramado sobre a minha vida. Depois, as 3 horas da manhã, eu acordei com a presença de Deus invadindo meu quarto de forma palpável. Eu simplesmente não conseguia me mexer na minha cama e nem falar! Um certo temor tomou conta de mim até, porque a presença de Deus era muito forte em meu quarto. De repente, Ele começou a falar ao meu coração. A primeira coisa que Ele me disse foi: "agora você vai me ouvir". Ele teve que falar isso para mim porque eu não dava espaço para Ele falar comigo durante minhas orações, tamanha era a minha ansiedade! Ele literalmente teve que me paralisar um pouquinho pra me fazer ouvir o que tinha para me dizer rs... Depois Ele me disse: "cada lágrima que você tem derramado Eu mesmo tenho recolhido". E aí Ele falou algo que abriu minha mente, Ele disse: "o mundo é maior que os seus problemas". Depois, Ele começou a me revelar planos para minha vida que eu ainda não sabia. Falou sobre meu chamado. Falou sobre o amor que Ele tinha pela minha família e o quanto Ele queria que eu orasse pela salvação das minhas avós, porque o tempo de elas partirem estava chegando. De fato minhas duas avós morreram um pouco depois dessa experiência e as duas aceitaram a Jesus antes de morrer, glória a Deus por isso!

Foi tão louca essa experiência com Deus, porque Ele não apenas falou comigo a respeito da minha pequena luta, momentânea. Mas, Ele me revelou coisas maiores, ampliou minha visão e principalmente, me fez sentir o Seu amor por mim de uma forma mais que especial. Nunca, na minha vida, vou me esquecer daquele momento maravilhoso!

A voz de Deus é a única voz capaz de aquietar a alma, vivificar o espírito abatido e trazer direção para toda e qualquer situação ilógica dessa vida. Há respostas para aqueles que clamam ao Senhor. Há conforto no amor Dele por nós, mesmo diante das maiores lutas dessa vida.

"Então, me invocareis, passareis a orar a Mim, e Eu vos ouvirei.
Buscar-me-eis e me achareis quando me buscardes de todo o vosso coração."
Jeremias 29:12-13 

"Ao Senhor clamo em alta voz, e do seu santo monte Ele me responde." 
Salmos 3:4
M.S.

sábado, 17 de março de 2012

Uma Visão Espiritual da Arte


Eu sempre fui apaixonada por arte, desde pequena. Apaixonada pela capacidade que ela tem de expressar o mundo, uma geração, o mais profundo do coração de um ser humano. A arte revela a história, desvenda mistérios, intriga, revoluciona, abre janelas de conhecimentos e tem a capacidade de nos tocar no mais profundo de nosso ser. Quando as palavras cessam, a arte sempre foi capaz de expressar...

Mas, talvez por ser psicóloga, sempre olhei um lado mais humanista da arte e nunca havia me atentado tanto para o lado espiritual que ela revela. E também não estava familiarizada com alguém que falasse a respeito, principalmente do ponto de vista cristão, até chegar aqui no IHOP... 

Essa semana, pela segunda vez, tive o privilégio de fazer parte de um tour pelo maior museu aqui de Kansas City, chamado: Nelson Atkins Museum of Art. Nesse tour, um dos membros do IHOP dá uma aula sensacional sobre a História da Arte fazendo um link com o mundo espiritual. O nome dele é Christian Gonzalez. Ele é ator, escritor e arquiteto formado pela Yale University. 

De acordo com Christian, a arte é uma linguagem. E a arte é uma ponte, que faz com que realidades não vistas se tornem acessíveis a indivíduos, sociedades e civilizações. Ele descreve a História da Arte como uma tentativa dos seres humanos se reconectarem com essas realidades espirituais, sejam elas boas ou ruins.

De uma maneira geral, ele faz uma distinção entre a arte das civilizações orais x a arte das civilizações que já possuem a linguagem escrita. Nas civilizações orais basicamente o que era expresso era o que eles literalmente viam, por terem uma conexão maior com o mundo espiritual. A arte dessas civilizações focavam em um sistema de linguagem que concebia o ser humano em todo o seu ser (corpo, alma e espírito). Já a arte das civilizações que possuem a escrita, principalmente as culturas ocidentais, focam mais no lado racional do ser humano, o que restringe um pouco sua forma de conceber o mundo e de se reconectar com essas realidades ainda não vistas.

Todas essas idéias me fizeram pensar sobre como o papel do artista, que a meu ver é aquele que vê adiante, que é o precursor de idéias, pode nos ensinar nessa caminhada espiritual. Será que temos falado, cantado, criado a partir daquilo que vivemos, experimentamos, provamos ou estamos apenas reproduzindo algo que outras pessoas viram e provaram ao se conectarem com essas realidades não vistas? 

Nós somos os profetas de nossa geração. E cabe a nós ver e ouvir o que Deus tem a falar, revelar, mostrar para esse tempo. 

Existem músicas, visões, pregações, novas estratégias a serem reveladas aqueles que buscam na fonte de toda inspiração, DEUS. 

Quem são aqueles que irão na fonte e se colocarão como canais de Deus para esse tempo, essa geração?

Seguem dois versículos para reflexão...


"Clama a mim, e responder-te-ei, e anunciarte-ei coisas grandes e ocultas, que não sabes." 
Jeremias 33:3

"Respondeu-lhes Jesus: Porque a vós é dado conhecer os mistérios do reino dos céus." 
Mateus 13:11
M.S.

quarta-feira, 14 de março de 2012

Love In Arabic


Ontem, durante o intervalo de uma das minhas aulas aqui na universidade do IHOP, IHOPU, pedi para minha melhor amiga daqui, Lina, do Egito, escrever essa palavra para mim. Significa amor em árabe. Ela me disse que existem duas palavras em árabe para expressar amor e essa especificamente está mais associada ao amor no sentido mais elevado, espiritual (podendo ser usada para refletir o amor cristão, da mesma forma que a palavra ágape, em grego).

Uma das coisas que mais gosto daqui é poder aprender com cristãos das mais diferentes nacionalidades. Tenho conhecido pessoas do Egito (que tem se revelado os meus preferidos... rs), Inglaterra, Austrália, Porto Rico, Ilhas Salomão... E obviamente pessoas dos Estados Unidos, dos mais diferentes estados. 

É nítido que temos nossas diferenças culturais, nossas peculiaridades. Até a forma como estruturamos nossa língua, o alfabeto, é o reflexo de como vemos o mundo. Inclusive, tive um dia uma aula aqui incrível sobre a história de Israel que exemplifica bem isso. A professora explicou um pouco sobre a língua hebraica refletindo na forma como eles pensam. Ela deu um exemplo bem simples para ilustrar: pegou uma caneta e pediu para que descrevêssemos o que era aquele objeto, sem falar que era uma caneta. Muitos falaram das características do objeto: é preta, tem um formato cilíndrico, etc. Esse tipo de descrição reflete mais o pensamento ocidental. Mas, ela explicou que os judeus, que falam a língua hebraica, certamente descreveriam aquele objeto pela funcionalidade: serve para escrever. Foi muito interessante essa aula!

De fato somos muito diferentes, mas ao mesmo tempo somos tão iguais! Existe algo que nos une, que nos torna tão parecidos, que nos faz falar a mesma língua, independente de qual povo pertencemos. E esse ponto comum é o amor de Deus. Não é a toa, que em Jesus, somos feitos família de Deus. E como filhos temos o mesmo DNA espiritual. É o amor de Jesus que nos une e nos torna um em Deus. É engraçado ver que até as manifestações do Espírito são iguais, eu me divirto com isso! E ao conhecer cristãos de outros países me sinto uma pequena parte de algo que é muito maior. Me sinto parte dessa grande família de Deus!

Quão louco pensar que um homem judeu, Jesus, seria o ponto de convergência entre todos os povos, línguas e nações?! No final das contas todos estaremos diante Dele, como diz a palavra em Apocalipse 7:9... 

"E eis que uma grande multidão que ninguém podia enumerar, de todas as tribos, povos e línguas, em pé diante do trono e diante do Cordeiro, vestidos de vestiduras brancas, com palmas nas mãos; e clamavam em grande voz dizendo: Ao nosso Deus, que se assenta no trono, e ao Cordeiro, pertence a salvação". 

Meu coração anseia por esse dia! 

M.S.

terça-feira, 13 de março de 2012

That's it...

Palavra que Deus me deu hoje aqui no Prayer Room - IHOP-KC... 


"Assim diz o Senhor: O céu é o meu trono, e a terra, o estrado dos meus pés, que casa edificareis vós? E qual é o lugar do meu repouso? Porque a minha mão fez todas as coisas, e todas vieram a existir, diz o Senhor, mas o homem para quem olharei é este: o aflito e abatido de espírito e que treme diante da minha palavra." 

Isaías 66:1-2

Eis-me Aqui Novamente...

Aqui estou eu novamente, em pleno meio oeste americano, iniciando mais uma de minhas muitas redes sociais... Como se não bastasse Facebook, Flickr, Instagram... risos... Não é a toa que Jornalismo era minha segunda opção depois de Psicologia.

Enfim, o desejo de escrever e compartilhar com alguém que seja me venceu novamente!
 Compartilhar aquilo que venho aprendendo nessa minha pequena caminhada da vida,
 sempre em busca do saber. Sempre em busca daquilo que é mais importante para mim: o conhecimento de Deus por trás de cada pequeno/grande acontecimento nessa caminhada. 

Eu realmente creio que o saber maior se encontra nas coisas simples da vida. Até a natureza clama pelo conhecimento de Deus... Basta olharmos para um céu estrelado, um pôr do sol deslumbrante, ou ouvirmos o barulho das ondas quebrando na praia... De muitas formas Deus, em Sua infinita graça e sabedoria, se tornou acessível a todos nós, mesmo sendo insondável, imensurável... Basta apenas termos um coração que abre os olhos de nosso entendimento. Esse é o segredo, não tanto o que vemos ou ouvimos, mas o que nos permitimos perceber e atingir através de um coração sedento.

A vida, breve e passageira, nada mais é do que uma jornada em busca desse saber maior!

Como diz o provérbio de Salomão... "Se buscares a sabedoria como a prata e como a tesouros escondidos a procurares, então, entenderás o temor do Senhor e acharás o conhecimento de Deus" Pv 2:4

É nesse saber que eu caminho. É esse conhecer que me move, me toca no mais profundo, me instiga a procurar o que está por trás de todas as coisas. Atingir o pleno conhecimento de Deus mais e mais a cada dia é minha maior paixão, é a minha meta nessa vida. 

Conhecê-lo e torná-lo conhecido em todos os lugares que os meus pés pisarem (e que sejam muitos meu Deus, por favor risos).

Que as palavras desse blog não sejam minhas, pois não tenho muito a oferecer. Que as palavras, fotos, experiências aqui compartilhadas sejam apenas um reflexo da minha jornada com Ele e que vidas sejam inspiradas de alguma forma através desse blog, esse é o meu desejo...  

Com amor, 

M.S.